Menu

Que Campanhas de CPA Oferecer para Meu Público?

Como Aumentar a Performance de suas Campanhas em Marketing de CPA!
dezembro 15, 2015
Vença os Bloqueadores de Publicidade em Campanhas em CPA para Blogs!
dezembro 16, 2015

Que Campanhas de CPA Oferecer para Meu Público?

Uma das situações mais frequentes é o novo afiliado da C2 CPA Network já possuir projetos online (geralmente blogs), portanto este já possui um público e naturalmente vai desejar iniciar suas campanhas de CPA aproveitando este público que já possui, afinal o investimento será praticamente zero. Isto é bom de ser feito mas deve ser observado com atenção para que realmente lhe traga bons resultados, caso contrário você simplesmente não verá resultados.

Neste artigo vou mostrar algumas formas de encontrar as ofertas de CPA que lhe trarão os melhores resultados em suas campanhas, assim lhe possibilitando entre outras coisas levantar caixa para fazer campanhas de maior abrangência e consequentemente ganhar mais dinheiro com Marketing de CPA. Antes de qualquer coisa é fundamental que esqueça completamente qualquer ideia simplista do tipo “se meu blog fala sobre exercícios para emagrecer vou vender emagrecedores”, isto pode ser uma armadinha e entenderá porque.

Ao escolher qualquer oferta de CPA a ser promovida para um público já existente em seu blog deverá considerar não apenas o objetivo final (neste exemplo o emagrecimento), mas também COMO esta pessoa está querendo emagrecer, isso faz uma grande diferença e entenderá exatamente como usar isso a seu favor de forma que tenha as melhores taxas de conversão possíveis dentro de seus projetos, o que certamente lhe dará uma boa experiência para quando for começar a rodar campanhas com publicidade paga com Adwords, Bing, Facebook, etc.

que-campanha-oferecer

Entenda seu Público e Ofereça o que Ele Busca!

Vamos continuar com o exemplo de um público que queira emagrecer, agora imagine 2 senários distintos, cada um é um blog em específico que trata sobre emagrecimento, sendo:

  • Blog 1: Especializado em Dietas (emagrecimento através de restrição alimentar)
  • Blog 2: Especializado em Exercícios (emagrecimento através da aceleração do metabolismo)

A princípio pode parecer que qualquer emagrecedor será interessante para ambos os públicos, porém com uma observação mais atenda em cada oferta vai ficar evidente que existem ofertas que certamente serão mais atrativas para cada um dos públicos, veja alguns exemplos a seguir:

Para o blog 1 (de dietas) a grande preocupação do público é com a comida, portanto ofertas como Goji Pro, Ultra Slim, Detox Slim, Goji Sbelt, Green Coffee Slim serão mais atrativas, afinal a proposta destas ofertas está mais voltada para processos metabólicos que não incluem a rotina de exercícios como principal fator. Certamente terá bons resultados com estas ofertas para este público.

Já no blog 2 (de exercícios) a grande questão destas pessoas é como melhorar sua performance nos exercícios para através deles conseguir emagrecer. Sendo assim ofertas como Kimera, Somatodrol e Metadrol terão melhores resultados, são ofertas que focam justamente na melhora da performance nos exercícios, em especial o Kimera para quem deseja emagrecer porque ele é um termogênico, sendo assim além de dar mais disposição ainda ajuda a queimar mais calorias, e isso dentro do paradigma da pessoa, que neste caso é emagrecer através dos exercícios.

Não adianta você oferecer uma campanha com uma proposta que seja diferente do que aquilo que a pessoa busca. Uma frase bastante comum em vendas é: “para vender você precisa falar o que a pessoa quer ouvir”. Note que não estou dizendo que você deva mentir para seus leitores, muito pelo contrário, você deve falar a verdade mas sempre mostrando as ofertas que dizem exatamente o que esta pessoa quer ouvir, feito isso suas chances de vender são muito maiores.

Não Tenho Certeza Sobre Qual é a Busca de Meus Leitores, O que Fazer?

Existe uma grande quantidade de blogs que acabam tratando de diversos temas, com isso é natural que seu público seja misto, sendo assim dificultando para que você saiba exatamente quais as melhores ofertas de CPA para oferecer. Aqui vou mostrar algumas ideias de como você pode segmentar seu público de forma simples e eficaz dentro de suas campanhas de Marketing de CPA, o que levará a uma melhor taxa de conversão.

Esta segmentação pode (e deve) ser feita em vários níveis, assim possibilitando que você mantenha campanhas consistentes. A seguir vou mostrar alguns destes níveis que são de fácil implementação e lhe trarão bons resultados a curto/médio prazo. Então vá anotando quais os próximos passos para fazer a segmentação de seus leitores diretamente em seu blog.

Reestruturação das Categorias do Blog

Fazer uma reestruturação nas categorias do blog seguindo os interesses de seus leitores por determinadas campanhas facilitará para que você tenha um maior controle de quais publicidades serão mostradas em cada uma delas. Também facilita para que os artigos relacionados dentro do blog mantenham seus leitores dentro do mesmo interesse, assim mesmo que estes estejam navegando internamente no blog ainda estarão com o mesmo foco inicial e isso é importante para a conversão.

Esta segmentação em categorias ainda facilita também para as próximas medidas que visam tomar atitudes mais efetivas para gerar vendas, uma vez que se tenha as categorias claramente separadas por interesses em determinados produtos ficará mais fácil para você construir o restante da estratégia.

Criação de Diferentes Barras Laterais

A barra lateral é uma área estratégica do blog tanto para a venda direta através de banners e links como também para outras medidas como captura de e-mails, navegação interna, etc. Uma vez que tenha as categorias bem organizadas será mais fácil criar diferentes barras laterais, assim exibindo uma determinada barra para cada categoria do blog.

Dica: mesmo que seu template wordpress não possua a função de múltiplas barras laterais é possível adicionar esta função através de plug-ins, inclusive saiba que existem plug-ins gratuitos que fazem isso.

Criação e Implementação de Formulários de Captura de e-mails

Agora que dentro de seu blog tudo está devidamente organizado, não faz sentido trabalhar com apenas 1 lista de e-mails para todo seu blog. Crie 1 lista para cada segmento de interesse, para cada uma destas listas você deve criar um formulário exclusivo (que pode até ser visualmente idêntico ao outro), assim levando os assinantes sempre para a lista correta, com o autoresponder já configurado para as campanhas que são mais interessantes para este segmento.

Chegando a este ponto a área interna de seu blog já estará muito bem organizada e possivelmente já estará mostrando sinais de que irá vender mais mesmo tendo a mesma quantidade de visitas, afinal você passou a oferecer os produtos que realmente atendem às necessidades de seus leitores. Mas isto não é tudo, todo esta trabalho agora poderá se refletir em outras áreas de sua divulgação e verá a seguir como aproveitar esta segmentação em campanhas de publicidade paga, tornando suas campanhas mais baratas e eficazes!

fontes-de-trafego

Aumentando sua Taxa de Conversão em Campanhas CPC (Custo Por Clique)

Uma das formas mais simples de aumentar a conversão já reduzindo os custos é através do remarketing, que para realmente apresentar bons resultados precisa ser muito bem filtrado por interesses dos leitores. Como você já fez uma pré-seleção em seus conteúdos os separando por categorias no blog terá maior facilidade para criar diferentes listas de remarketing de acordo com cada interesse.

Para exemplificar isto vamos considerar o remarketing do Facebook Ads, que lhe oferece uma grande facilidade para fazer remarketing em URLs específicas, sendo assim facilitando para que você tenha como criar listas específicas para cada uma de suas categorias e rodar campanhas com os produtos que mais atendam as necessidades de seus leitores desta categoria específica.

Para criar cada uma de suas listas de remarketing com base nas categorias de seu blog existem algumas formas diferentes de fazer isso, e qual delas vai usar depende de como está a estrutura do permalink de seu wordpress, veja a seguir 2 exemplos bastante usados:

  • Permalink com estrutura em categorias (http://seudominio.com/category/nome-do-post/)
  • Permalink com estrutura direta (http://seudominio.com/nome-do-post/)

Para o primeiro caso basta escolher a opção no Facebook Ads para criar sua lista com todos os acessos em que a URL contenha (http://seudominio.com/category/), desta forma não importa o nome do post porque todos os posts de determinada categoria estarão automaticamente sendo listados para este remarketing pelo fato de a URL conter a estrutura com a categoria.

Já para o caso de utilizar uma estrutura direta precisará listar todas URLs de cada categoria para criar suas listas de remarketing, lembrando que cada vez que publicar novos artigos terá que atualizar as URLs novas em sua lista de remarketing para que ela passe a ler também estes novos conteúdos e a alimentar a lista com estes leitores.

Uma vez que tenha criado suas listas basta esperar algum tempo para que as pessoas comecem a aparecer em suas listas de remarketing, assim possibilitando que você faça campanhas de alta conversão por estar oferecendo justamente o que seus leitores realmente estão procurando. Isso ainda tem mais um ponto interessante que é o fato de você poder criar suas listas com mais de um blog e oferecer produtos para seus leitores até mesmo sem os adicionar diretamente no blog, mas sim o fazer através do remarketing, o que é uma excelente opção para quem pretende evitar qualquer tipo publicidade em seu blog.

Que Conteúdos Oferecer para Seus Leitores?

Uma dúvida frequente é sobre para onde mandar o leitor em cada etapa do funil de vendas, afinal basicamente você terá 3 opções, que são:

  • Blog Post
  • Advertorial
  • Página da Oferta

Todas estas opções são interessantes, mas devem ser utilizadas no momento correto e isso deve seguir um processo lógico, ou seja o fluxo seguinte:

Anúncio >> Conteúdo (pré-venda) >> Oferta

Algumas sequencias não fazem muito sentido, como por exemplo enviar seu leitor de um blog post para um Advertorial (que também é um conteúdo pré-venda), ou enviar um e-mail com link para um Advertorial sendo que este e-mail foi capturado justamente em um post do blog, ou seja estaria enviando a pessoa novamente para uma pré-venda.

Enviar os leitores diretamente para a página de oferta também tende a não ser uma boa opção, afinal antes de a pessoa efetivamente comprar certamente ela vai querer informações sobre o produto, sendo assim a pessoa acessaria a página da oferta através de seu link de afiliado, iria voltar para o buscador para encontrar informações sobre o produto e certamente acabaria comprando através do link de outro afiliado através de uma página de pré-venda com informações relevantes sobre o produto.

Com estas etapas lógicas sendo aplicadas seus leitores sempre seguirão um mesmo fluxo desde o anúncio até a conversão, assim facilitando para que você faça diversos testes com diferentes páginas até chegar em excelentes taxas de conversão em suas ofertas.

Vinicius Horta
Vinicius Horta
Empreendedor digital ha 8 anos e gerente de conteúdo na C2 CPA Network.